terça-feira, 10 de novembro de 2015

EXPERIÊNCIA DA MÃE DE PRIMEIRA VIAGEM SOBRE AMAMENTAÇÃO E OUTRAS DICAS

CONFISSÃO DE MÃE DE PRIMEIRA VIAGEM, EU!
RELATOS DE EXPERIÊNCIAS...
Pesquisei muito antes de ter meu filho, achei que sabia o suficiente mas algumas coisinhas ligadas a medicina e pediatria eu não sabia é óbvio! Então pesquisei muito para tentar fazer tudo certinho depois que meu primeiro bebê nascesse.

AMAMENTAR
Algo deu errado?! Sim, na minha cabeça pensei em ter muito leite para amamentar meu filho, e tive! Muito mesmo!!! Só que ninguém me havia dito que precisava ter bico no seio para amamentá-lo.
Meu bico era invertido, é isso mesmo, pra dentro. Usei conchas mas não ajudou o suficiente. Quando meu menino nasceu estava com fome querido e não consegui dar leite no peito. Me senti péssima mas procurei manter a calma para não perder o leite pois sabemos que o estress é uma das fontes mais prejudiciais na perda do leite. Pois bem, depois de longos 4 dias consegui que meu filho puxasse no peito. Ele mamou leite artificial? Não! Pois como já havia dito eu tinha leite, então eu tirava com massagem e bombinha manual e dava no copinho pra ele. Não ofereci mamadeira como a pediatra sugeriu já que uma vez acostumado poderia não pegar no peito. Então, depois que ele pegou nossa, só foi... Mamava e ficava no peito por horas. Horas mesmo! Até duas horas ele ficava grudado. Cansativo, mas prazeroso!
Amamente o máximo que conseguir, cria um vínculo de amor entre mãe e filho mais íntimo e faz bem a saúde deles prevenindo inúmeras doenças futuras que bebês que não mamam no peito ficam mais suscetíveis. Mas se não conseguir também não se culpe, não serás menos mãe por isso.
Como eu tinha muito leite?
Vivia com chá e água e muita sopa e comidas leves para não dar cólicas no bebê. Tomava 3litros de água por dia. Seu corpo trabalha muito para fazer leite, cuide-se!

O PRIMEIRO BANHO
Preferi dar na banheiro e não ofurô de balde. Cada mãe escolhe, o importante é saber dar os dois tipos de banho, segurá-lo bem e existe milhões de vídeos no youtube que ensinam.
Pode treinar antes de ter o bebê com uma boneca. Eu não treinei pois já havia trabalhado em creche e com crianças e sabia como fazer. Mas não é pecado nenhum pedir ajuda, já que o neném é frágil e a maioria vai estranhar no início. Meu bebê ama água desde que nasceu, aqui em casa a briga é pra sair do banho e não pra entrar. Cada criança é única e terá suas preferências.
 BICO DO SEIO RACHADO
Eu tive meu filho em maio. Época de frio aqui no Sul então ficava com as conchas direto, aquelas de plástico pois as de silicone me deram alergia. Pois o atrito com a roupa pode machucar os seios e como eu tinha medo de o bico encolher denovo eu deixava elas direto. Lavava uma vez por dia em água fervente para higiene e voltava a usar.
Uma dica boa! Tenha sempre uma santa pomada que chama: Bepantol! É excelente para cicatrização e não vai usar só nos seios (se for preciso) mas pro seu bebê também depois que ele nascer.
como disse, usei direto as conchas e tinha cuidado no banho para não pegar vento, também não esfregava com a toalha.
E por fim, deixava pegar sol uma ou duas vezes por dia e aproveitava deixava meu bebê no sol também, sol fraco diga-se de passagem, depois das 16hs e de manhã 8hs. (Já que aqui era inverno então o sol era mais fraco)

NÃO ESQUEÇA:
1 Use conchas
2 Tenha pomada Bepantol
3 Deixar os seios no sol por 10 min para fortalecimento
Não tem erro!
Tive rachaduras? Sim, quando tentei ficar sem as conchas e não tomei sol no seio, foi horrível, não dá vontade de dar o peito pois dói demais, então previna-se para não acontecer mamães.
PS: Aproveitem essa fase, todo mundo diz que passa depressa e deixa eu te falar, passa mesmo! É trabalhoso ser mãe, mas vale a pena!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.