terça-feira, 10 de novembro de 2015

ELA, completamente maluca. Sou assim quem não aceita que se foda, simples.

Não gosto de me mostrar a não ser que queira chamar atenção do homem que amo
Não gosto de olhar pra quem não me agrada nem fingir que gosto ou ter que fazer a "social"
Não gosto que toquem nos meus cabelos, acredito ser um carinho muito íntimo e não é qualquer um que pode e tem isso comigo
Não gosto nem preciso me explicar quando faço algo que contraria a maioria, ninguém mudará de opinião, pra que se estressar e perder tempo explicando
Não gosto de visitas indesejáveis sem aviso prévio muito menos surpresas, as pessoas tem uma vida e eu amo organização então já decido o que fazer toda segunda e faço planos para a semana toda
Sou maluca
Em certas coisas gosto tudo em perfeita ordem e organização e em outras quero que se dane, pois não tem importância
Chego a pensar que seja até bipolar, sério!
Não gosto de aparecer, prefiro o silêncio do que conversas vazias falando de outras pessoas e suas vidinhas, e porque falar da minha também se não há muita coisa fora do normal e padrões estabelecidos
E se tiver prefiro guardar pra mim, não como geminiana que conta tudo sabe, só para amigos de verdade mesmo que se resume em três em quem confio, e só. E dentre deles não estão marido nem meus pais nem Deus
Não sigo nenhuma religião, odeio igreja católica, acredito ter muita mentira na bíblia e não gosto do fanatismo dos evangélicos e perseguição aos gays
compreendo aceito e creio totalmente no espiritismo
Ás vezes renego a Deus e meus preceitos de generosidade e otimismo
Ostento sangue e matança, vingança e luxúria
às vezes quero justiça paz e amor entre todos os seres humanos
Muitas vezes em abandonar minha área que é educação.
Porque não dá porra de dinheiro algum? Não é só dinheiro, é valorização, interesse público e não só do governo mas do povo.
Povinho adora uma putaria, vasculhar a vida dos famosos, se uma mulher mostrou os seios por aí, adora falar que ama cães e animais, e 1% dessas mesmas pessoas que realmente ajudam
Povo não se interessa por páginas que ensinem, educam sobre educação e política para o país ir pra frente. Aliás, desculpa, não todos, a maioria só é assim.  Todos querem melhorar mas quem faz algo pra isso? Quem luta? Quem se interessa, sério?!
Às vezes acho que meu sonho adolescente em ter um "poderoso chefão" do crime ao meu lado seria interessante e  a vida seria como uma aventura... Talvez tivesse levado isso a sério mesmo sabendo que hoje não sei se estaria viva ainda, mas teria vivido mais. Não sei. O que é viver?
Não gosto de músicas que não inspiram
Acho um desperdício de papel com livros que não servem nem pra por no banheiro sabe.
Me irrita gente que puxa o saco de gente que está no poder para obter vantagem.
Odeio essa falsidade social
Não sinto me encaixar em nenhum grupo específico, em nenhuma religião, em nenhum movimento que me motive
Gosto do feminismo mas não sei se concordo com os rumos que vem levado as mulheres a protestarem e quais as formas de protestos usados para chamar a atenção. Não creio que sejamos levadas a sério quando nós não formos sérias o suficiente, avacalhar com tudo nem sempre é a solução
Odeio quando há pessoas machistas na conversa, corto e desafio todos, sempre
Sem medo
Sem papas na língua
Defendo aquilo que gosto e que realmente me importo
Se estou calada é porque está tudo tão vazio, tão ridículo que não vale a pena gastar saliva
Quer me pedir algo, seja direto, indiretas são pra fracos. Já passei dessa fase.
às vezes curto o ar puro e viver simples e humildemente honesta, às vezes quero mudar muito, tudo, inclusive de partidos e contextos.
DA VIDA só sinto medo de uma coisa. Eu mesma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.