domingo, 30 de junho de 2013

Ser Gorda é terrível. Desabafo. outburst of a fat. No hypocrisy, no one likes to be fat!

Não me digam  que quem é Gordo é feliz porque é uma tremenda hipocrisia. (eu acho.)
Eu sei, sou gorda.
Talvez pense na possibilidade de mesmo sendo gorda pode-se ser feliz, lógico!
mas sentir-se bem? Acho que não.
Desculpe.
Quem foi gorda a vida toda e nunca emagreceu e não conhece o sentimento de ser leve pode até ser que tenha essa coisa, esse sentimento que definem estar de bem consigo mesma.
Mas quem já emagreceu e voltou a ser gorda sabe do que estou falando...
Não é uma questão de estética e padrões. Não me interpretem mal. Até porque odeio aquele modelo loira de olho azul e magérrima, acho horrível!
Mas acreditem. É bom ser leve, ser magra, estar no seu peso. Um peneu talvez, mas muito sobrepeso..
Não, não é nada bom! pés inchados, andar pouco, sofrimento em encontrar roupas, por vestir tirar só aí já se cansou pacas!!! Entre milhões de outros motivos principalmente envolvendo saúde que poderia citar.. viver menos, colesterol, diabetes..
Repito: Quem se sente bem, ótimo. (Apesar de eu não crer nisso com todo sofrimento e preconceito social e  todas as complicações que o peso traz.)
Só quem passou por isso para entender. Magras que nasceram e continuam por fatores genéticos jamais entenderiam.! Repito: jamais!!!
Existem 3 tipos de gordos.
Gordos insatisfeitos
Pessoas gordas que fazem de tudo mas não conseguem emagrecer e odeiam seu peso mas tentam viver bem com isso porque não há outra solução!
Gordos que se dizem felizes e não querem mudar
Pessoas gordas que sempre foram assim e não tem vontade de mudar (porque falta vontade ou outros motivos)
Gordos que viram magros e outra vez Gordos.
Pessoas gordas que sentiram o prazer mesmo que momentâneo de estarem leves, por remédios na maioria das vezes e voltaram a ficarem gordas.
(Me englobo nesses)

Vocês não sabem o que é se sentir diferente, quando as pessoas olham atravessado, te falam e você acaba sofrendo preconceito não só social, mas de amigos, da família.. Isso é terrível perturbador e só nos ajuda a comer mais pra ver se preenche esse maldito vazio. (que pra cada uma de nós vem de um motivo.)
Mas acreditem: Não é dizendo que a pessoa está gorda ou tentando humilhar que você a fará aceitar exercícios e dieta rígida pra emagrecer. Quem é gordo sabe disso! E a maioria de nós já tentou de tudo para mudar isso! Mas não consegue.
Na real não creio mais em nutricionista, academia.. Só uma psicóloga pra resolver isso. Porque vem da cabeça e não do resto. Pelo menos pra mim. Cada um é cada um.
Já fiz de tudo. Minha luta contra a balança vem desde que eu era criança.! E eu não era tão gorda.. mas as pessoas falavam isso, digo a família... Mal sabiam eles o mal que estavam me fazendo e como aquilo me afetava!!! Enfim,  às vezes as pessoas não falam por mal mesmo, mas ninguém imagina o quanto isso nos afeta, um comentário mesmo que não pareça malicioso pode machucar muito!
Já fiz dieta.. da sopa.. so jejum.. (e semana sem comer).. do sangue A+ (que aliás adorei mas o meu era vegetariano, fiquei 6 meses sem comer carne e engordei ainda +)... depois fiz dieta dos pontos... com nutricionista.... com outro tipo de nutricionista... e finalmente com remédios.. Tomava 8 tipo de remédios por dia (em 6 meses emagreci 21 kilos, amei né... 6 meses depois.. gorda denovo..) .. fui na academia por 1 ano.. engordei. ..... E desisti.
precisamente. Agora.
Acho que é psicológico, mais que fisiológico. Sei tudo e mais um pouco sobre o mundo das dietas e mil e uma solução rápida e certas.. e Não consigo!!!
Quem é gordo geralmente tem compulsão alimentar e um vício por determinado tipo de comida> no meu caso: doces. chocolate especialmente.
Lembro-me de quando eu era magra. Sentimento de liberdade,roupas que serviam e tudo caía bem! Homens mil vezes olhando++ (estava solteira na época) eu corria, andava melhor, trabalhava melhor, me sentia mil vezes melhor Leve..!
Sei lá. Um desabafo.  (ps: não encontrei uma imagem pra esse desabafo. )
Gordinhos... gordões.. se expressem:::: me digam qual a opinião de vocês.
Aceito críticas desde que com respeito. Obrigado.

13 comentários:

  1. meu desabafo: http://projetobiquinidebolinha.blogspot.com.br/2012/07/pequeno-desabafo.html

    ResponderExcluir
  2. LEgal!
    Adorei seu blog.
    Pode comentar sempre que desejar expressar-se.
    Bem vinda.
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Querida se você estiver com esse corpo da foto... Você não é gorda só cheiinha. E muito bonita. bjus.

    ResponderExcluir
  4. Oi Malika obrigado pelo comentário.
    Seguinte, eu já fui bem + gorda q isso e geralmente coloco as fotos que me favorecem mais... hehe Porque pelo menos nas fotos sou fotogênica ..rsrsrs
    Obrigada, bejos

    ResponderExcluir
  5. Peso cento e quinze quilos e sou conplequisada as vês me axo linda e as vezes não te entendo:-)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. peça ajuda a uma psicóloga terapeuta , quando se chega nesse estado se coloca a saúde em questão também então procure ajuda amiga, não deixa rolar..
      a gente sempre procura se sentir melhor mas a sociedade não deixa, compreendo.

      Excluir
  6. Olá,sei como é difícil,depois de algumas gravidez comecei a ter problema com o peso,lutei várias vezes, uma luta travada comigo mesma,fiz dietas Malhei muito tomando sempre remédios para me dá gás,consegui chegar ao peso ideal,mais cansei,ser mãe trabalhando 12 horas por dia ser dona de Cas. E manter ui . Ritmo frenético para ficar magra é demais,mas ninguém entendi,meu marido vive se queixando que estou gorda,as pessoas possam que é fácil ser gorda,recentemente perdi meu penúltimo emprego para uma mulher magra, com o corpo já modelado por cirurgias,e ainda tive que aguentar piadinhas dos colegas,que se eu ainda fosse bonita não teria sido trocada,não adianta dizer que não à discriminação com os gordinhos,aqui em Brasília é muito difícil achar uma roupa maior nos Shoppings

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui na minha cidade não é diferente, achar roupas para gente mais gorda é horrível e humilhante.
      Ser mãe acaba com auto estima mesmo, a não ser quando se tem dinheiro para amenizar as coisas né..
      A nós mortais nos resta focar nas dietas e academia.. Mas convenhamos, é um saco!

      Excluir
  7. Sei como se sente,porque sou assim também! É a pior coisa do mundo! A minha mãe já me colocou em academia e tudo mais não consigo,e você tem razão é psicológico,tô cansada de ouvir as mesmas coisas da minha mãe "você precisa ter força de vontade" "todo mundo vê que tu estais engordando só tu não vê" "tem espelho não" eu fico me sentindo horrível,já tentei de tudo,tento perceber que eu preciso emagrecer e consigo de vez em quando mais é em vão...Não aguento mais ser assim ficar sobre pressão da mãe, da avó,de todo mundo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente! Nesse caso tem mais é que conversar e fazê-las entender que em vez de ajudar pioram a situação porque o problema nosso é mais psicológico do que fisiológico, é como dependente químico, dependentes de comida! E a pressão e falta de apoio só faz piorar...
      Se nao conseguir na base da conversa, manda tudo a merda e tente ser feliz por si mesma, isso não é justo

      Excluir
  8. Eu te entendo, sou gorda desde criança e todos sempre me chamam de gorda, minha irmã chegou a me humilhar na frente do namorado dela dizendo que sou uma gorda, minha mãe me obrigou a subir na balança dentro da farmácia e todos ficaram olhando, meu pai dizia que eu tinha alguma doença não era normal alguém ser tão gorda. Enfim, comecei a ter bulimia em seguida diminui drasticamente a quantidade de comida que como, embora eu tenha algumas compulsões, emagreci 15kgs em seis meses e ainda sou uma baleia pesando 60 kg.
    (pronto desabafei)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente quando acontece na família isso parece ser o dobro na gente porque são quem supostamente deveria nos apoiar e não fazem isso!
      Eu estou num momento da vida que família só quando é necessário mesmo! Quando eles não ajudam que pelo menos não atrapalhem.
      Cercar-se por pessoas que nos amam e nos apoiam é essencial para sermos felizes, mesmo gordinhas!
      Nem que seja de 5 a 10 pessoas só , mas é melhor. Irmãos de coração fazem melhor que sangue de família às vezes.
      Infelizmente. Isso é triste.
      Força amiga, fique bem!

      Excluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.