terça-feira, 10 de janeiro de 2012

sabedoria paradigmática


 o vento que soa em meus ouvidos
é aquele que grita em minha alma
me falando coisas absurdas
as ondas que sinto em meu corpo
me fazem delirar em meus pensamentos
minha imaginação chega  a loucura 
tamanha fantasia que inspiro confiança 
me sinto livre e poderosa
sal que cobre minha pele
sinto-me tão pequena
diante dessa imensidão de mundo
o Belo me enriquece
as ondas vislumbram meus olhos
e insinuam coisas..
aspiram atitudes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.